A visibilidade em condição de chuva cai abruptamente e, por isso, aumentam os riscos de acidentes nessas condições. Saber como conduzir em pistas molhadas e com a visibilidade prejudicada é fundamental para a sua segurança e a dos seus passageiros. Selecionamos aqui 10 dicas que podem te ajudar a driblar esse problema e conduzir, em segurança, em dias chuvosos. Confira.

1. Espere que o tempo melhore:

Na pressa do dia a dia, nem todos podem se dar ao luxo de estacionar e esperar que o tempo melhore, mas é preciso colocar na balança qual é a prioridade, pois segurança sempre deve estar em primeiro lugar. Caso a chuva esteja muito intensa, melhor mesmo é esperar a chuva passar.

2. Verifique os itens de segurança do carro:

Antes de sair, verifique se os faróis, lanternas traseiras, limpadores de para-brisas estão em perfeito funcionamento e, principalmente, se os pneus não estão carecas. Pneus em mal estado fazem o carro perder a aderência com o solo. Isso aumenta os riscos de acidentes.

3. Diminua a velocidade:

Reduzir a velocidade em dias de chuva é muito importante, pois o tempo de reação do carro é muito mais lento quando a pista está molhada.

4. Ligue os faróis:

Ligando os faróis do seu carro, sua visibilidade aumenta e seu veículo também se torna mais visível para os outros motoristas. Produtos como o  Glaco Blave podem ser usados nos faróis fazendo com que as gotas deslizem mais rápido das lentes, deixando a luminosidade mais clara e com pouca distorção. Existem também produtos específicos para os retrovisores externos, como Glaco Zero. Ele garante que as gotículas não acumulem sobre esses espelhos, melhorando a visibilidade da parte traseira e lateral do carro.

5. Use os limpadores de para-brisa:

Mesmo parecendo óbvio, muitos motoristas esquecem de ligar os limpadores. Mesmo sob chuva fraca, é muito importante manter sempre os vidros sem as gotículas de chuva. 

O Glaco que podem ser aplicados nos vidros para criar uma repelência melhorando muito a visibilidade.

6. Mantenha distância:

Manter uma distância maior entre os veículos é muito importante, pois o tempo de reação e frenagem aumenta por causa da perda de aderência.

7. Evite freadas bruscas:

Conduza o veículo de maneira mais suave, com acelerações gradativas e freadas suaves, para impedir a perda de aderência e o risco de escorregar.

8. Atente-se a aquaplanagem:

Evite poças d’água ou se não puder evitá-las, diminua a velocidade ao atravessar, pois existe o risco de aquaplanagem na qual acontece quando os pneus perdem a aderência flutuando sobre a água.

9. Aquaplanagem:

Caso sinta que o veículo está flutuando e perdeu a aderência, não faça movimentos bruscos, apenas tire o pé do acelerador e conduza o volante para a direção necessária, evite fazer curvas bruscas ou pisar no freio.

10. Desembaçador: 

Utilize o ventilador no modo desembaçador, para que o vento seja conduzido para os vidros, para evitar que a umidade faça-os embaçar. Para veículos que não dispõem de ar-condicionado, existe o antiembaçante aerosol que pode ser aplicado nos vidros para que impeça de embaçar.

Escrever Um Comentário